Nick Mason se coloca a disposição para uma reunião do Pink Floyd.

Nick Mason em entrevista afirmou ter interesse em uma reunião com os ex-companheiros do Pink Floyd.

O baterista do Pink Floyd, Nick Mason, disse que está tentado a estar disponível” para qualquer possível reunião futura do lendário grupo de rock progressivo. O anúncio aconteceu em uma entrevista publicada no The Sun neste final de semana.

“Não quero dar a impressão de que estou tentando ganhar pontos extras, mas houve uma reunião da banda onde foi decidido abordar essas questões”, disse o baterista ao jornalista Simon Cosyns sobre o futuro do grupo.

Ele acrescentou ainda: “Você nunca sabe o que pode acontecer.”.

Pink Floyd: a história da banda escrita por Nick Mason.

O que ele está dizendo não parece muito, mas o baterista chegou a elogiar a regravação solo de Roger Waters, da obra The Dark Side Of The Moon, que acabou de completar 50 anos.

Por outro lado, diplomático, Mason elogiou também David Gilmour. Ele chamou o guitarrista da banda de “talento”, principalmente pelo lançamento do single do Pink Floyd em apoio à Ucrania em 2022.

No entanto, as relações entre Gilmour e Waters, continuam estremecidas. Afinal, as duras críticas que sua esposa, a escritora Polly Samson, fez no Twitter ao ex-Pink Floyd, chamando-o de “maldito anti-semita”, aumentaram a cisão entre ambos. 

Portanto, uma reunião do Pink Floyd com Waters e Gilmour juntos no palco é improvável neste momento. Por fim, a frase de Nick Mason ao The Sun: “Você nunca sabe o que pode acontecer“, parecer querer dizer, continuem comprando os discos e alimentando esperanças.