Led Zeppelin: Soco em Tóquio, Espadas no Hilton e Diarréia na Índia

O Led Zeppelin era conhecido por protagonizar confusões durante suas turnês, principalmente iniciadas por Richard Cole e John Bonham.

Em 1971, o Led Zeppelin já era uma banda consagrada com três álbuns de sucesso. O lançamento do Led Zeppelin IV no final do ano, com hits como “Stairway to Heaven”, “Black Dog” e “When the Levee Breaks”, só consolidaria ainda mais sua fama.

Soco em Tóquio

Após shows nos Estados Unidos, a banda seguiu para Tóquio para se apresentar no Budokan em 29 de setembro de 1971. Dizem alguns biógrafos que John Bonham já vinha irritando Robert Plant por conta de uma “dívida” de 30 libras contraída durante uma estadia na Escócia. Bonham, principalmente quando bêbado, cobrava a dívida com frequência.

Sendo assim, na noite do show, já bêbado, Bonham cobrou Plant novamente, que o ignorou. Irritado, Bonham deu um soco na boca do vocalista, que teve que cantar o show inteiro com a boca machucada.

Outras versões da história

No livro “Led Zeppelin: quando os gigantes caminhavam sobre a terra”, de Mick Wall, a história é um pouco diferente. Segundo o autor, o soco ocorreu quando a banda estava prestes a fazer o bis. Plant já estava irritado e sem voz, e Bonham, em um momento de raiva, disse: “Isso nunca teve importância. Você não é bom mesmo. Você só tem que ir lá e parecer que é bom”. Depois disso, esmurrou o vocalista.

Led Zeppelin: Soco em Tóquio, Espadas no Hilton e Diarréia na Índia
Livro Led Zeppelin: a biografia. Divulgação editoras Belas Letras.

Problemas com Bonham

As inconstâncias de John Bonham já eram um problema naquela época. Durante a estadia em Tóquio, o empresário Tats Nagashima levou a banda para um restaurante chique. Bonham, cansado de tomar saquês em copinhos minúsculos, exigiu canecas de cerveja para colocar a bebida.

No entanto, no dia seguinte, o gerente de turnês Richard Cole e John Bonham saíram para fazer compras e, bêbados, compraram duas espadas de samurai. De volta ao hotel Hilton, os dois resolveram encenar uma briga de espadas, cortando tudo que estava na suíte: quadros, cadeiras, abajures, cortinas e lençóis. Eles até tiraram John Paul Jones da sua suíte e quebraram a fechadura.

Banidos do Hilton e mais aventuras

Depois desse episódio, o Led Zeppelin foi banido da rede de hotéis Hilton. Contudo, a banda seguiu para a Tailândia e Índia como turistas, comprando quinquilharias como um buda de madeira de 1 metro, além de jogos de xadrez de marfim. Por fim, a farra só acabou quando todos tiveram um surto de diarreia por conta da alimentação local, e assim retornaram para Londres.