Há 60 anos os Beatles faziam seu último show no Cavern Club.

Compartilhe

Em agosto de 1963 Os Beatles já não cabiam mais em espaço tão pequenos, ali começava a Beatlemania e uma longa história.

Por Sandro Abecassis

Agosto de 1963, John, Paul, George e Ringo, que havia entrado na banda a cerca de um ano, já tinham contrato com a EMI/Parlophone.

O primeiro álbum, “Please Please me”, lançado em março, dava para banda um outro status no Reino Unido, além do mais, o single “From Me To You”, lançado em junho colocava a banda nas primeiras posições no Reino Unido.

Em junho Os Beatles excursionaram pelo Reino Unido com Roy Orbison, Cilla Black e Gery and the Pacemakers. Portanto, o show de 3 de agosto no Cavern seria o retorno da banda a Liverpool e o último show deles por lá.

O motivo, a banda não caberia mais em lugares pequenos.

Tanto é que a fila para vê-los naquele dia no Cavern era enorme, ficando, inclusive gente do lado de fora. A história está no livro Paul McCartney – A biografia.

Um prestígio para quem estava lá.

Foram disponibilizados 500 ingressos ao preço de cerca de 30 reais (9 shillings e 6 pences), uma exigência do empresário Brian Epstein. E 0 cachê da banda na época, 8 mil libras.

O espetáculo começou as 18h00 com a participação de outros artistas e encerrou as 23h00.

Este era um show que você gostaria de estar, vou explicar porque.

O show teve queda de energia, e Paul e John improvisaram no piano uma canção acústica chamada, “When I´m Sixty Four”, música que só faria parte de um álbum dos Beatles, 4 anos depois, no “Sgt Pepper”. Então, quem estava ali ouviu exclusivamente uma faixa que faria parte da segunda fase da banda.

O calor era bem intenso, e é possível ver como os Beatles suaram naquele dia.

Outra preciosidade para quem estava presente, a banda tocou pela primeira vez a música “She Loves You”, gravada a cerca de um mês. O lançamento só aconteceria dentro de 20 dias, em 23 de agosto. Ou seja, que sorte deste público.

The Beatles: a genialidade da música “I Am The Warlus”, cheia de psicodelismo e influências literárias.

Os Beatles voltaram a Liverpool algumas vezes, mas nunca mais tocariam no Cavern Club. Em 1999, Paul McCartney reuniu alguns amigos como David Gilmour e Ian Paice para tocar no Cavern.

O show fez parte da divulgação do seu disco, “Run, Devil Run”, onde gravou clássicos do rock dos anos 50 e 60. No entanto, este Cavern é apenas uma parte do original, que foi demolido em 1973.

Por fim, veja a apresentação da banda, tocando “I Saw Her Standing There”.