“The Cure” vem ao Brasil em breve, mas enquanto isso, descubra detalhes de “In Between Days”.

“The Cure” vem ao Brasil conforme anunciou Robert Smith. Mas sem datas confirmadas, enquanto isso vamos conhecer um pouco da canção “In Between Days”.

Robert Smith avisou que a banda The Cure vem ao Brasil ainda este ano, no entanto, ainda não foram confirmadas as datas. 

No site da banda a atualização  mais recente mostra show confirmado até o dia 01 de julho em Miami nos Estados Unidos.

Enquanto os precursores do gótico não chegam, vamos conhecer um pouco sobre o significado de um dos maiores hits da banda, “In Between Days” 

The Cure no Brasil, Robert Smith garante novidades até o fim do mês

Então, vamos lá

Unindo o acústico ao eletrificado,  “In Between Days” de The Cure narra a dor da separação, sofrimento e tristeza, além da difícil decisão entre o certo e errado, afinal a letra tem uma dualidade, uma hora ele pede para que alguém vá embora: 

Go on go on, just walk away. Go on go on, your choice is made (Siga em frente, Siga em frente, apenas vá embora. Siga em frente, siga em frente, sua escolha está feita).

Go on, go on, and disappear. Go on go on, away from here (Siga em frente, siga em frente e desapareça. Siga em frente, siga em frente para longe daqui)

Em outro momento, pede para que fique:

Come back, come back, don’t walk away. Come back come back, come back today (Retorne, retorne, não vá embora. retorne, retorne, retorne hoje).

Come back, come back, why can’t you see? Come back come back

Come back to me (Retorne, retorne, por quê você não consegue perceber? Retorne, retorne, retorne para mim).

Além disso mostra uma fragilidade emocional do autor e talvez uma relação de dependência, “Yesterday I got so scared, I shivered like a child. Yesterday away from you, It froze me deep inside (Ontem eu fiquei tão assustado, eu tremi como uma criança.Ontem, longe de você,
eu congelei por dentro). 

E sugere até uma possível traição: And I know I was wrong, when I said it was true that it couldn’t be me and be her In between without you
Without you (
E eu sei que eu estava errado, quando disse que era verdade, que aquilo poderia ser eu e ela, sem você entre nós, sem você)

Apesar de cantar o sofrimento amoroso, Robert Smith vive um sólido casamento com a esposa Mary Poole desde 1988, que já viveu altos e baixos mas sempre foi mantido fora da mídia.

Ziggy Stardust, de David Bowie completou 50 anos de lançamento.

Música fez parte de mudança no som da banda

“In Between Days”, faz parte do álbum “The Head On The Door”, lançado em 1985 e ficou entre as Top 20 britânicas.

Para a canção foi produzido um videoclipe cheio de efeitos de luzes, com câmeras acopladas aos instrumentos e uma direcionada para Robert Smith em primeiro plano, pendurada em um cabo que o cantor balança até o teto do estúdio e ela volta para o seu rosto. 

A canção fez parte de uma etapa em que a banda mudou a sonoridade, saindo de músicas mais sombrias para canções mais pops. A intenção era ter mais apelo comercial para que também pudessem mostrar músicas mais densas, como no próprio “The Head”, em “Sinking” e “A Night Like This”.  

Por fim, veja o videoclipe de “In Between Days”: