David Crosby, fundador do The Byrds, morre aos 81 anos

Compartilhe

David Crosby ajudou a popularizar o folk/rock a partir dos anos 60

Por Sandro Abecassis

Um dos fundadores da banda The Byrds e Crosby, Stills, Nash & Young, David Crosby, morreu aos 81 anos nesta quinta-feira, 19, após ter passado um longo período doente, conforme informações da esposa do cantor, Jan Dance, em entrevista à “Variety”. 

“É com grande tristeza, depois de um longo período doente, que nosso amado David (Croz) Crosby morreu. Ele estava cercado de amor por sua mulher e alma gêmea Jan e seu filho Django”, conforme afirmou Jan, em comunicado.

No último dia 09 de dezembro, Crosby lançou o DVD ao vivo, “David Crosby and the lighthouse band ao vivo no Capitol Theatre” em Nova Iorque. No entanto, o músico já estava sofrendo com tendinite, mas até o momento a causa da morte não havia sido revelada.

David Crosby, nasceu em 1941, em Los Angeles, e com a banda The Byrds, criada em 1964, popularizou o estilo folk/rock no cenário dos anos 60 influenciando artistas como Joan Baez, Bob Dylan e ate Os Beatles. As canções da banda foram trilha sonora para o movimento hippie, como por exemplo, Turn, Turn, turn”, “Mr. Tambourine man” e “Eight Miles High”.

Crosby, Stills, Nash & Young. Reuters

A partir de 1968, funda o “Crosby, Stills, Nash”, que depois com a chegada de Neil Young, viraria, “Crosby, Stills, Nash & Young”, se apresentando inclusive no icônico Festival de Woodstock em 1969. O grupo se separou nos anos 70. 

1962: o dia que os Beatles foram recusados pela gravadora Decca.

David Crosby foi bastante ativo nas causas sociais nos anos 80. Durante a pandemia da COVID-19, assim como a maioria dos artistas, “Coz” remarcou diversos shows. No entanto, estava sempre lançando material novo, ou regravações do passado com novas versões. 

Sandro Abecassis

Publicitário, radialista, pós graduado em educação inclusiva e gestão executiva de projetos.

WhatsApp chat