Bienal Internacional do Livro do Rio deve acontecer em dezembro

Compartilhe
Evento deve ocorrer de forma híbrida ainda neste ano

A organização da Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro informou que o evento está pronto para ocorrer em dezembro próximo. A ideia é fazer o festival de forma híbrida ainda em 2021. Isso dependerá, entretanto, do avanço da campanha de vacinação da população na capital e no país e do cenário da pandemia de covid-19.

“Para isso, a organização está se reunindo com representantes do Poder Público e o mercado expositor e literário, a fim de promover o evento com toda segurança. O objetivo é que ele aconteça entre 3 e 12 de dezembro, quando toda a população carioca a partir de 12 anos deve estar imunizada, de acordo com o planejamento da prefeitura do Rio”. Acima de tudo, a organização lembrou que “o maior festival de cultura e literatura do país só ocorrerá se houver condições para isso”.

 A 4ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura começa neste sábado (18) e vai até 26 de agosto, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília.
Foto Marcelo Camargo

A Bienal deverá ocorrer com 50% da capacidade de público, no Centro de Convenções do Riocentro, na Barra da Tijuca. Contudo,  em dois turnos, com intervalo diário de uma hora para higienização do ambiente. O planejamento prevê área total ocupada de 100 mil metros quadrados, dos quais 48 mil metros são da área externa. No entanto, uma programação virtual simultânea com transmissão por meio de plataforma digital também está planejada.

A organização da Bienal informou ainda que o evento está sendo desenhado para oferecer aos visitantes, expositores e colaboradores total segurança. Dessa forma, vem acompanhando o cenário da pandemia e as recomendações das autoridades sanitárias e governamentais. Um dos critérios já definidos é que, para ter acesso ao evento, pessoas maiores de 12 anos deverão apresentar o cartão de vacinação e usar máscara.

Edição: Graça Adjuto

WhatsApp chat