Série “Anita: Amor, Luta e Liberdade”, homenageia bicentenário da revolucionária

Compartilhe

Produção da NDTV estreia no próximo dia 28, no Balanço Geral

Em 30 de agosto de 1821, nasceu em Laguna (SC), uma mulher que iria se tornar símbolo de coragem e exemplo para muitas gerações. No ano em que é comemorado o bicentenário de Anita Garibaldi, a NDTV produziu, em parceria com o Instituto Cultural Anita Garibaldi, uma série documental que conta a trajetória de lutas da heroína catarinense.

Portanto, para resgatar essa história de amor e luta, a equipe do documentário “Anita – amor, luta e liberdade” contou com cerca de 40 pessoas, entre colaboradores da NDTV, profissionais independentes que atuam no cinema, atores e produtores no Brasil e na Itália. Além disso, historiadores, professores e estudiosos da trajetória de Anita também emprestaram seus conhecimentos para a produção. “Anita: Amor, Luta e Liberdade”, mistura as linguagens ficcional, jornalística e documental e vai ser apresentada em quatro episódios, na NDTV.

O argumento original é do Diretor Regional do Grupo ND em Florianópolis, Roberto Bertolin. O roteiro e direção tem assinatura da  jornalista e cineasta Isabela Hoffmann. Ela esteve à frente dos 17 dias de gravações em Santa Catarina e também na Itália.

Alguns detalhes mostram o cuidado com a produção. Como a música feita especialmente para o documentário, pela cantora e compositora catarinense Vanere da Rocha Pires. Capricho também no figurino, usado pela atriz Lize de Souza, que interpreta Anita Garibaldi. As peças tiveram o desenvolvimento e confecção exclusiva para o projeto, pelo figurinista José Alfredo Beirão, no seu ateliê em Florianópolis. Acima de tudo, Foi necessário um mês e meio de trabalho para chegar ao resultado que ajuda a resgatar com ainda mais precisão a história de Anita.

Gravações na Itália

Reconhecida pelo povo italiano como uma heroína, que lutou pela unificação do país, a passagem pela Itália, onde morreu em 1849, Anita deixou admiração e também descendentes. Por isso, a equipe de “Anita: Amor, Luta e Liberdade” visitou 5 cidades na Itália para mostrar os principais locais onde ela esteve e entrevistar historiadores, apaixonados pela história da nossa heroína e também bisnetas e um tataraneto de Anita. No Brasil, o documentário teve cenas gravadas em Laguna, Imbituba, Lages, Curitibanos e Florianópolis.

Sendo assim, o resultado desse trabalho vai poder ser visto a partir do próximo dia 28 de agosto, na tela da NDTV l Record TV. Os quatro episódios de “Anita: Amor, Luta e Liberdade” vão ao ar sempre aos sábados, a partir das 13h. A Direção de Produção é de Marcelo Campanholo, a Direção de Fotografia é de Marcelo Feble. Para interpretar o papel de Anita Garibaldi a série documental conta com o talento e a experiência da atriz Lize Souza. Por fim, a interpretação de Giuseppe Garibaldi é através de Welington Moraes.

WhatsApp chat