Paul Weller diz que os Beatles se separam no momento certo.

O músico que está prestes a lançar um novo disco, ainda lembrou a influência que os Beatles tiveram na vida dele. 

Em recente entrevista a revista Mojo, Paul Weller disse que acredita que os Beatles se separaram no “momento certo”. O vocalista do The Jam, que está prestes a lançar seu 17º álbum solo, “66”, comentou sobre o impacto que os Beatles tiveram enquanto ele crescia. 

“Mamãe e papai tinham discos antigos de rock ‘n’ roll de Chuck Berry , Little Richard e Elvis , que eu adorava, mas os Beatles… Não é exagero dizer que eles mudaram o mundo para muitas, muitas pessoas, inclusive eu”. Disse

E continuou:  “Eles me fizeram ver outras possibilidades. Eles me fizeram pensar em outras coisas nesta vida, que não existia apenas esta pequena cidade, havia um mundo além dos muros da cidade e eu queria fazer parte dele, ver, sentir e experimentar. Os Beatles tornaram a vida possível para pessoas normais explorarem… Pessoas como eu”.

Paul Weller diz que os Beatles se separam no momento certo.
Paul Weller. Getty Images

O músico recorda a sensação de expectativa que tinha antes da banda lançar um disco. “Aquela expectativa de ouvir o próximo disco… Para onde eles vão agora? Você está sentado no barco ou no avião com eles, e mesmo que eu nunca chegue perto disso, os Beatles estabeleceram a referência para a abordagem correta da música”. 

Paul Weller lembra que para ele na época foi um choque ver a banda se separar, mas à medida que foi crescendo entendeu. “Você segue em frente, experimenta, e é preciso dizer que os Beatles se separaram na hora certa. Fiquei arrasado naquela época, mas estou feliz que eles tenham feito isso agora. Imagine-os passando pelo synth pop nos anos 80. Teria sido chocante.”

Novo álbum, “66”

Sobre o novo álbum, “66”, Paul disse que vai adotar uma abordagem mais introspectiva do que nunca, analisando suas decisões e explorando como sua criatividade se relaciona com o mundo ao seu redor. Além disso, há expectativas de que ele continue a desafiar os limites artísticos em sua música, ao mesmo tempo em que preserva suas origens.

O primeiro single, “Soul Wandering” é inspirado em Bowie, trazendo um groove percussivo, assim como uma letra para entender seu lugar no universo. 

“66”, tem seu lançamento no dia 24 de maio, um dia antes do aniversário de 66 anos de Paul Weller. Por fim, o álbum conta com 12 faixas, com participações de Noel Gallagher, Suggs e Bobby Gillespie