Fundação Cultural BADESC completa 15 anos de atividades

15 anos da Fundação Cultural BADESC.

Em 28 de março de 2006, a exposição Nereu Ramos: Memória Política, que teve curadoria de Neusa Barbi, abriu a série de exposições na Fundação Cultural BADESC. A primeira mostra no casarão, que fica no centro de Florianópolis, prestou uma homenagem para o antigo morador do local.

Naquele ano, o então presidente da Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina S.A. – BADESC, Renato de Mello Vianna, teve a honra, junto com o ex-governador do Estado de Santa Catarina, Luiz Henrique da Silveira (in memoriam), inaugurar a restauração da casa, onde residiu o ex-governador Nereu de Oliveira Ramos.

Acima de tudo, no texto presente no folder da mostra, Vianna explica sobre o começo das atividades do espaço cultural.

“Ao iniciar suas atividades com a exposição Nereu Ramos: Memória Política, a Fundação Cultural BADESC, atende duas antigas expectativas: consolidar um espaço de convergência para o debate e à produção cultural e artística catarinense e prestar uma justa homenagem a um dos mais significativos políticos que o Estado de Santa Catarina já produziu”, escreveu Vianna.

Diversas atividades.

Sendo assim, passados 15 anos, a Fundação é considerada um dos espaços expositivos e culturais mais conceituados de Santa Catarina. Prova disso são os números das atividades culturais gratuitas realizadas ao longo desses anos. Foram 789 atividades, entre exposições, cursos, encontros, lançamentos de livros, eventos de música, sessões de cinema e muito mais.

Para a atual diretora geral da Fundação, Margaret Waterkemper, esse é um momento de celebração e readaptação.

“Nestes anos sempre estivemos de portas abertas, acolhendo e recebendo os visitantes. No entanto, desde o último ano tivemos que nos reinventar e conseguimos seguir proporcionando atividades culturais gratuitas, só que de maneira virtual”, destaca.

A Fundação, que ocupa um casarão na Rua Visconde de Ouro Preto, 216, no Centro da Capital, completa 15 anos de atuação em 2021, enquanto o espaço Fernando Beck, inaugurado em fevereiro de 1991 no hall de entrada da BADESC, completa três décadas.

Lançamento catálogo virtual    

Carol Krügel apresenta primeira exposição na Fundação BADESC
Obra de Carol Krügel

Dentro das comemorações dos 15 anos está o lançamento do catálogo virtual que resgata as ações e atividades promovidas pela Fundação nos últimos três anos. O trabalho pode ser acessado no site da instituição – www.fundacaoculturalbadesc.com.

Por fim, no site é possível acessar exposições e eventos culturais passados além de conferir trabalhos de artistas selecionados no Edital 2020.

Dante Acosta apresenta 19 trabalhos na mostra As Coisas Distantes Parecem Menores Do Que São Na Realidade. No entanto, já Carol Krügel exibe 27 ilustrações a grafite emolduradas na exposição Retratos Fantásticos.

Informações: Juliano Zanotelli