Prefeitura acolhe animais durante frio intenso em Florianópolis

Compartilhe

Na Dibea, além de roupinhas mais quentes, os animais para adoção estão com as camas e casinhas sendo reforçadas com cobertores e tecidos mais grossos

Fotos: Marcos Albuquerque / PMF

Durante o frio intenso em Florianópolis, não são só os humanos que precisam de cuidado. Os animais domésticos também precisam ser protegidos. Por isso, em Florianópolis, a Prefeitura está com atenção redobrada, tanto para as pessoas que precisam de atenção, quanto para os cachorros e gatos.

Na Diretoria do Bem-Estar Animal de Florianópolis (DIBEA), a equipe está reforçando as camas e as casinhas dos cachorros e gatos que estão na Dibea disponíveis para adoção. Eles também estão com roupinhas que ajudam a conservar a temperatura corporal dos animais.

Prefeitura acolhe animais durante frio intenso em Florianópolis

Para os animais que estão com as pessoas em situação de rua, a Prefeitura de Florianópolis está estimulando essas pessoas a se abrigarem junto aos seus pets, seja na passarela, nos abrigos, ou no hotel conveniado com a Prefeitura. Ao longo dos últimos dias, 159 pessoas receberam abrigo em Florianópolis, e alguns cachorros também. O município também estimula projetos como lares temporários e cão comunitário, onde a própria comunidade cuida de um animal da região com apoio de alimentação e consultas veterinárias da Dibea.

A Prefeitura ressalta também que as adoções são fundamentais. Acima de tudo, para que a Dibea continue resgatando mais animais vítimas de maus-tratos nas ruas, é preciso que a população ajude adotando. Sendo assim, cada animal adotado libera um espaço para um novo animal que está na rua.

Então, confira as dicas

Prefeitura acolhe animais durante frio intenso em Florianópolis

Para quem tem pet em casa, algumas dicas importantes. A Dibea orienta que os tutores agasalhem os animais domésticos, preferencialmente com roupa de algodão. Além disso, os tutores devem tomar cuidado com os pelos longos que podem embolar. No entanto, outra dica é nunca colocar a caminha do animal em contato direto com o chão. Sempre disponibilizar um papelão ou um jornal por baixo.

Por fim para os que dormem em casinhas nas ruas, tirar elas da corrente de ar e deixar cobertas quentinhas para o bichinho se aquecer durante à noite.

WhatsApp chat