Movimento Rosa vai oferecer diagnóstico e tratamento do câncer de mama

Compartilhe

Mulheres com mais de 40 anos podem fazer dos exames ao tratamento completo do câncer de mama, de forma grátis, a partir deste dia 1º de outubro, em Florianópolis, Joinville, Blumenau, Chapecó, Lages, Itajaí, Criciúma, Tubarão e Mafra.

A campanha Movimento Rosa é uma ação da Sociedade Catarinense de Mastologia e vai até 1º março de 2021. Os serviços inclusos são exames de imagem e patologia, além de mastologistas e hospitais. 

O atendimento é sem custo, com foco em pacientes de baixa renda.

Dados sérios.

A Sociedade Catarinense de Mastologia estima que 75% das mulheres deixaram de fazer seus exames de rotina em função da pandemia de Covid-19. As sociedades brasileiras de Patologia e Cirurgia Oncológica dizem que, entre março e maio, 50 mil diagnósticos deixaram de ser feitos no país, tanto pelo temor do novo coronavírus, quanto pelo fechamento dos ambulatórios, inclusive adiando exames.

No Brasil, excluído os tumores de pele não melanoma, o câncer de mama é o mais comum em mulheres de todas as regiões. Em 2020 já são 66.280 novos casos, com 43,74 doentes por 100 mil mulheres, conforme o Ministério da Saúde. Entretanto em seu estágio inicial, as chances de cura chegam a 95% dos casos.

“A necessidade da realização de exames para diagnóstico precoce do câncer de mama está sempre colocada, mas ficou maior com a pandemia, dado o impacto futuro que esta demanda reprimida pode gerar no atendimento às pacientes do serviço público. Por conta disso, fizemos um grande esforço para agregar apoio de empresas e profissionais a uma campanha que estimula a adesão das mulheres e contribui com o Sistema Único de Saúde (SUS), bastante sobrecarregado com a pandemia”, explicou Adriana Freitas, presidente da Sociedade Catarinense de Mastologia.

Apoio e luta.

No Brasil se realizou apenas 21,9% dos 12.154.979 exames esperados em 2019 pelo SUS. Em Santa Catarina, dos 442.499 testes em 2019, foram feitos 101.027 (22,8%), ou seja, abaixo da meta.

Estes números explicam  as mortes por câncer de mama no país, na contramão da redução vista nos países desenvolvidos. Certamente com a pandemia, há uma previsão de piora diante deste quadro.

“Neste momento em que a solidariedade é fundamental, agradecemos a todos os nossos apoiadores e aos profissionais envolvidos em cada região, que viabilizaram esta campanha filantrópica”. Diz.

“Pedimos para cada pessoa compartilhar as informações nas redes sociais, nos grupos de WhatsApp, nas conversas com amigas e familiares, para levarmos mais saúde e qualidade de vida às mulheres”, destacou Adriana Freitas.    

Como agendar os exames.

Os exames serão marcados a partir de 1º de outubro, pelo site movimentorosa.org.br. Contudo, vale lembrar que o prazo para o agendamento da mamografia é dia 31/01/2021.

O Movimento Rosa atua com representantes em, radiologia, patologia, mastologia, bem como oncologia. Todas as cidades participantes possuem centro de oncologia para radioterapia e quimioterapia. Contudo, moradores de cidades vizinhas aos municípios também podem participar.

Por fim, para saber mais sobre o câncer de mama acesse o site do INCA.

WhatsApp chat