Circuito de cinema catarinense para crianças e jovens terá edição virtual.

Compartilhe

A 9ª edição do Circuito de Cinema Catarinense para Crianças e Jovens inicia na segunda-feira (31/08) e segue até 8 de setembro. Contudo, em 2020 o evento será 100% online e aposta na formação e debate sobre audiovisual para educar.

O Coletivo Móbile Educacional abre o ciclo de oficinas de práticas de produção e mediação audiovisual para formas educativas já a partir das 10h. Sendo que a partir das 14h00, educação, arte e mídias digitais estão na pauta.

“O Circuito surgiu do desejo de levar os filmes da Mostra de Cinema Infantil para todo o Estado. Este ano faremos tudo virtualmente. Queremos nutrir os professores sobre esse tema, que tem sido muito necessário neste momento: o audiovisual na sala de aula”, conforme afirma a diretora geral do evento, Luiza Lins.

Dessa forma, o Circuito ficou em três módulos: oficinas de audiovisual para contextos educativos, Conversas sobre Cinema e Educação, assim como, exibição de filmes catarinenses, inclusive com bate-papo sobre cinema para crianças ao final de cada sessão.

A programação.

Serão seis oficinas no total, nas manhãs, nos dias 31/8 a 4/9 e também ao final, dia 8/9. 

Já a tarde, entre 31/8 a 4/9, ocorrem as Conversas sobre Cinema e Educação, a fim de trazer para os professores e gestores culturais do estado uma visão de projetos que ocorrem no Brasil nesta área. Todas as ações terão também tradução em LIBRAS.

Especialistas no Brasil, como Cláudia Mogadouro (SP), do Cineclube de Educadores; Marialva Monteiro (RJ), fundadora do CINEDUC – Cinema e Educação; Felipe Leal e Ana Bárbara Ramos, do projeto Semente Cinematográfica, vem com pautas como educação audiovisual, criação de filmes nas escolas, filmes com e para crianças. 

Cinema em destaque

O Circuito mostra uma seleção na produção de audiovisual catarinense para crianças, com filmes produzidos no estado desde 2005 até hoje. Como por exemplo, Taí ó, uma aventura na Lagoa (2014), de Mauricio Venturi; O fim da trama, de Patrícia Monegatto (2016); e O resgate (2018), de Arthur Roedel.

A Mostra de Cinema Infantil será ao vivo no sábado, (5/9), domingo (6/9) e segunda (7/9), das 17h às 19h. Sempre pelos perfis no YouTube e Facebook.

Serão 10 curtas-metragens, com bate-papo entre os realizadores ao final de cada sessão. No entanto, vale lembrar que já na abertura, no dia 31, os filmes já estão livres para acesso durante o Circuito.  

Curtas nacionais que inclusive fizeram sucesso entre as Mostras de Cinema Infantil de Florianópolis ao longo de 18 edições também estão na seleção.

A 9ª edição do Circuito tem patrocínio do Prêmio Catarinense de Cinema 2019 – Fundação Catarinense de Cultura/Governo de Santa Catarina e, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, do BRDE- Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul, da Celesc – Centrais Elétricas de Santa Catarina e da Enercan – Campos Novos Energia S.A.

Por fim, o evento tem apoio da Fecam – Federação Catarinense de Municípios, do IFSC – Instituto Federal de Santa Catarina. A realização é da Lume Produções Culturais e a direção geral de Luiza da Luz Lins. 

Então, Agende-se

Circuito de Cinema Catarinense para Crianças e Jovens
De 31 de agosto a 8 de setembro
100% on-line, assim como gratuito
Certificado para participantes do evento, embora tenha o mínimo 10 horas de participação.
Transmissão ao vivo pelo YouTube, bem como Facebook

Sandro Abecassis

Publicitário, radialista, pós graduado em educação inclusiva e gestão executiva de projetos.

WhatsApp chat