CELOS tem terceiro mês consecutivo acima da meta atuarial

Compartilhe

O resultado está atrelado ao bom resultado da renda variável, com reação do índice Ibovespa e registro de 4 meses de alta

Os planos da CELOS apresentaram rentabilidade acima das suas metas atuariais nos últimos três meses, o que possibilitou a reaproximação no acumulado do ano. Parte deste resultado está atrelado ao bom resultado da renda variável, com reação do índice Ibovespa e registro de 4 meses de alta, além da boa performance dos fundos multimercados estruturados, bem como da própria carteira de títulos públicos.

Algumas medidas governamentais também auxiliaram, como a diminuição de impostos dos combustíveis e reflexos da alta taxa de juros brasileira, o que resultou nos meses de julho, agosto e setembro em deflação (inflação negativa) no índice IPCA. E, ajudou a manter a meta atuarial controlada.

Apesar desta melhora do cenário econômico, o futuro ainda é incerto, tanto nacional como internacional. A carteira da CELOS é bem diversificada e está preparada para estas incertezas, tendo como objetivo o alcance da meta atuarial até o final do ano. O novo estudo de ALM (Asset Liability Management), considerando o atual cenário, já foi aprovado e fundamentará a alocação objetivo das Políticas de Investimentos 2023, em processo de aprovação.