Artistas da Grande Florianópolis expõem na Fundação Cultural BADESC

Compartilhe

Topologias da Imaginação: Residência Artística pode ser visitada gratuitamente até 31 de março

Pinturas, desenhos, fotografias, instalações, vídeo, perfomance, entre outras linguagens integram a exposição Topologias da Imaginação: Residência Artística Fundação Cultural BADESC. Em cartaz até 31 de março de 2022, a mostra gratuita reúne dez artistas residentes em Santa Catarina. A visitação pode ser feita de segunda a sexta-feira, das 13h às 19h, na Fundação Cultural BADESC, em Florianópolis.

Cinco artistas participantes da mostra, que teve orientação de Alexandre Sequeira, Carolina Ramos, Eneléo Alcides e Rosângela Cherem, são da Grande Florianópolis: Ana Soukef, Daniel Leão, Edson Macalini, Estela Camillo e Mila Kichalowski.

Imersão na história.

A pesquisadora e fotógrafa Ana Soukef busca, através da aproximação e imersão nas histórias do Morro do Cambirela, localizado no município de Palhoça/SC, trazer neste projeto a montanha como um ser vivente. Para Ana, o trabalho é um convite para olhar e experimentar as diferentes peles que formam a montanha, unindo-nos àquilo que chamamos natureza. 

Trabalhos de Mila Kichalowski- crédito João Pedro Beckhauser

Já Daniel Leão, que é graduado em cinema e doutor em artes visuais, apresenta uma videoinstalação work in progress realizado com imagens de arquivo da Casa da Memória, da própria família e de participantes convidados, além de fragmentos de vídeos e trabalhos de outras artistas que já expuseram na Fundação. O título do trabalho é “Fagulhas – a manhã em que nos amávamos tanto”.

Edson Macalini, que mora em Palhoça, na Grande Florianópolis, apresenta “Desenhos do Fogo”, trabalhos divididos em “I – Escritas do Fogo”, “II – Vestígios do Fogo” e “III – Desenhos fósseis”. Estes últimos são pseudofósseis, resultado da acumulação de resíduos de manganês carregados pela água nos espaços vazios de pedras vulcânicas.

Trabalhos de Estela Camillo – crédito João Pedro Beckhauser

“Os Pombos”, acrílica sobre tela, é um dos trabalhos apresentados por Estela Camillo na exposição.  A artista explica que apresenta como resultado da residência, pinturas em tela com o uso de tinta acrílica baseadas em recortes fotográficos registrados por ela ou de fotografias retiradas de jornais. Sendo assim, segundo Estela, a ideia é transmitir um estudo pictórico das imagens em questão.

Mila Kichalowski

Mila Kichalowski, é outra artista residente na Grande Florianópolis. Ela apresenta fotografias que evocam a presença de um pai que partiu e como a memória dele está presente no cotidiano dos filhos ainda crianças. Mila propõe uma reflexão sobre “o que enxergamos já não existe mais”.

Também participam da exposição: Diana Chiodelli (Chapecó), Felipe Coff (Blumenau), Flávia Scóz (Joinville), Jan M.O. (Joinville) e Mayara Voltolini (Brusque), também apresentam trabalhos.

Por fim, a Fundação Cultural BADESC fica na Rua Visconde de Ouro Preto, 216, no Centro de Florianópolis.

WhatsApp chat